Pleroma heteromalla
Ipomoea hederifolia
Reserva
Mãe-da-Lua

Espécie anterior Próxima espécie

Sebastiania larensis

Família: Euphorbiaceae
Aspecto geral: Árvore
Sebastiania larensis
16/01/2019. Reserva Mãe-da-Lua, Itapajé-CE.

Figura 1.

Sebastiania larensis é muito comum na mata seca da serra da reserva. Os maiores individuos atingem 7-8 metros de altura. A floração acontece no início das chuvas.

A pesar de esta planta ser tão abundante (pelo menos aqui na reserva), eu não consegui identificá-la, se bem que procurei muito. Finalmente, a espécie foi determinada por Fernanda Hurbath e Otávio Marques do Grupo Identificação de Plantas do Facebook. Eu agradeço pela ajuda.

A busca por Sebastiania larensis no Reflora (12/01/2018) rendeu sómente uma exsicata coletada no Ceará, aparentemente por Freire Allemão pessoalmente, talvez durante a expedição da "Comissão Scientífica de Exploração" em 1859-1861. Ainda bem que pelo menos esta exsicata não se perdeu, como aconteceu com tantos outros resultados daquela expedição. A ID no rótulo da exsicata é Gymnanthes sp.

As fotos mostradas aqui são de vários indivíduos diferentes, encontrados na mata seca ou subúmida da serra da reserva.

Referências:
Croizat & Tamayo 1949.

Início da página

Sebastiania larensis
16/01/2019. Reserva Mãe-da-Lua, Itapajé-CE.

Figura 2.

Detalhes da inflorescência.

Início da página

Sebastiania larensis
16/02/2019. Reserva Mãe-da-Lua, Itapajé-CE.

Figura 3.

Uma fruta (imatura?) de Sebastiania larensis. Diâmetro cerca de 0.5cm.

Início da página

Sebastiania larensis
16/02/2019. Reserva Mãe-da-Lua, Itapajé-CE.

Figura 4.

Detalhes da fruta (imatura?) de Sebastiania larensis.
(A) Corte longitudinal;
(B) Corte transversal.

Início da página

Sebastiania larensis
12/08/2017. Reserva Mãe-da-Lua, Itapajé-CE.

Figura 5.

As folhas são simples, inteiras, alternas e parecem frequentemente um tanto desordenadas.

Início da página

Sebastiania larensis
19/12/2017. Reserva Mãe-da-Lua, Itapajé-CE.

Figura 6.

Lado abaxial de uma folha. A folha estava provavelmente perto de cair, por isso, a coloração.

A barra preta acima representa 1cm.

Início da página

Sebastiania larensis
10/01/2018. Reserva Mãe-da-Lua, Itapajé-CE.

Figura 7.

O caule da S. larensis. DAP cerca de 4cm.

Início da página

Sebastiania larensis
30/08/2018. Reserva Mãe-da-Lua, Itapajé-CE.

Figura 8.

O caule de outro indivíduo, mais velho, mais grosso (DAP cerca de 15cm) e fortemente sulcado.

Início da página