Orelha-de-onça
Ipomoea hederifolia
Associação
Mãe-da-Lua
Início
Contato
Aves
Mamíferos
Flora

O terreno da família Bento está situado no lado leste da RPPN Mãe-da-Lua. No dia 5 de dezembro de 2011, houve um incêndio florestal ali que também ameaçou a reserva. Apagamos o fogo a tempo, porém, o incidente me deixou preocupado. Nenhum dos moradores deste terreno ajudou a combater o incêndio, apesar de existir mais de 30 casas no local. Talvez eles até saibam o que causou o fogo, mas não querem informar.

Perto do lugar onde se originou o incêndio, no mesmo terreno da família Bento, há uma broca que ainda não foi queimada (Figura 1). A vegetação ao redor é muito seca e uma queimada poderia facilmente causar outro incêndio florestal. Perguntei vários vizinhos quem é o responsável da broca, para conversar com ele e tomar medidas de prevenção. Ninguém quis me informar.

Vistoria de uma broca no terreno dos Bento, 22 Dezembro de 2011
Terreno da família Bento, no leste da RPPN Mãe-da-Lua.
22/12/2011. Itapajé, Ceará, Brasil.

Figura 1. A foto mostra a broca, e a vegetação seca e altamente inflamável ao redor da broca. Na esquerda, policiais da CPMA de Sobral: Sgt Edilson (direita) e Sd Magalães. No segundo plano, a Serra das Vertentes.

Finalmente, pedi ajuda à Polícia Ambiental (CPMA). Desde a criação da RPPN em 2009, a CPMA já fez várias visitas na RPPN e em sua redondeza, para dar apoio. No dia 22 de dezembro, veio uma viatura de Sobral e fomos junto falar com os vizinhos que moram perto da broca. Perguntamos de novo quem eram os responsáveis pela broca e recebemos a mesma resposta: "Não sabemos". Então subimos a serra para ver a situação de perto. Os policiais concordaram comigo: Há um alto risco de incêndio florestal naquele local. Veja Figura 1.

Continuamos subindo até a capoeira onde começou o fogo do dia 5 de dezembro. Nenhum trabalhador estava presente, más havia vegetação recém-cortada, o que indica que alguém estava limpando esta área, para plantar no início das chuvas. Será que estas pessoas causaram o incêndio do dia 5 de dezembro? Fizemos fotos e fomos embora.

Com certeza a visita da CPMA ajudou os vizinhos a entenderem que um incêndio na mata da serra não é uma brincadeira, e que eles podem até ser responsabilizados por crime ambiental. Acho que o dono da broca vai levar um susto quando souber que a CPMA subiu até lá. Porém, melhor ele levar um susto do que a reserva queimar. Acredito que pelo menos nesta estação não vai haver outro incêndio florestal no terreno da família Bento.

A Associação Mãe-da-Lua agradece ao Major Marcus Costa, comandante da CPMA do Ceará, ao Sgt Edilson, comandante do pelotão de Sobral e a todos os integrantes da CPMA de Sobral pelo seu grande apoio dado a RPPN Mãe-da-Lua em 2011.

Feliz 2012!


Sou alemão, e meu português não é perfeito. Se encontrar erros de ortografia ou gramática neste texto, por favor, avisem (e-mail).

Início da página