Pleroma heteromalla
Ipomoea hederifolia
Reserva
Mãe-da-Lua

Espécie anterior Próxima espécie

Codorna-do-Nordeste

Outros nomes: Perdiz
Nome científico: Nothura boraquira
 — Família: Tinamidae
A espécie é monotípica e ocorre no Nordeste do Brasil, e em partes da Bolívia e do Paraguai.
Codorna-do-Nordeste (Nothura boraquira)
10/09/2005; Fazenda Canaã, Pentecoste-CE.

Figura 1.

A Codorna-do-nordeste se esconde normalmente na vegetação, e não pode ser vista facilmente. A ave na foto deixou a sua cobertura vegetal para beber no açude. Passou perto da minha tocaia, sem notar a minha presença, e eu fiz várias fotos, a pouca distância.

Início da página

Codorna-do-Nordeste (Nothura boraquira)
10/09/2005; Fazenda Canaã, Pentecoste-CE.

Figura 2.

N. boraquira e N. maculosa são de aparência semelhante, e as duas espécies ocorrem no Ceará. Identifiquei esta ave como N. boraquira por causa das pernas amarelas, e da barriga branca/pálida. Veja Mata et al. 2006.

Início da página

Hábitat: A codorna-do-nordeste ocorre em áreas abertas e semi-abertas, incluindo habitats artificiais como pastagens para gado em áreas desmatadas. Contudo, a espécie parece evitar Caatinga arbórea ou a mata da serra. Na RPPN Mãe-da-Lua, esta ave é bastante rara, bem que a encontrei ocasionalmente perto dos nossos açudes.

Conservação: Como Nothura boraquira se adapta às paisagens alteradas para a agricultura, não parece que falta de hábitat poderia tornar-se um problema. Porém, a caça é uma ameaça seria, e já dizimou ou extirpou a espécie em muitas regiões. Do outro lado, a codorna-do-nordeste pode ser bastante comum em fazendas cujo dono protege a fauna silvestre e consegue prevenir a caça.

Cantos e chamadas: Veja aqui.

Início da página