Pleroma heteromalla
Ipomoea hederifolia
Reserva
Mãe-da-Lua

Espécie anterior Próxima espécie

Ipomoea sp. 1

Família: Convolvulaceae
Aspecto geral: Trepadeira volúvel
Ipomoea sp. 1
23/06/2019. Reserva Mãe-da-Lua, Itapajé-CE.

Figura 1.

Encontrei esta planta em uma área muito antropizada perto de um olho d'água da reserva. Os indivíduos que eu vi, tinham corola branca e folhas cordadas ("cordate", sensu Harris & Harris 2000, p. 151). Veja foto acima e fig. 3.

O gênero deve ser Ipomoea, porém, eu não tenho certeza do epíteto. Uma possibilidade seria talvez grandifolia. O tipo de Ipomoea grandifolia (DAMMER) O'DONNEL (Glaziou 11257, foto em JSTOR Gobal Plants) e o protologo de Dammer (Jacquemontia grandifolia) são mais ou menos consistentes com as minhas amostras, e algumas das exsicatas de grandifolia no Reflora são também semelhantes, por exemplo, SPF00194305 e SPF00194056, ambos com folhas cordadas e flores brancas, coletadas em Pernambuco.

Outra espécie parecida é Ipomoea lacunosa. Veja aqui. Contudo, não há prévios registros de I. lacunosa na América tropical.

Ipomoea triloba seria mais uma opção. Há várias exsicatas parecidas com fotos no Reflora. Porém, o tipo não combina bem. Veja fig. 7.

Existe também a possibilidade que as plantas encontradas na reserva são resultados de hybridização entre espécies da série Batatas, a qual as ipomoeas acima mencionadas e algumas outras pertencem (Austin 1978).

Referências:
Austin 1978;
Dammer 1897, p. 41;
Linnaeus 1753, p. 161 (I. triloba);
Lorenzi 2008, p. 250 (I. triloba);
Meissner 1869, p. 277 (I. triloba);
Santos et al. 2018;
Sloane 1707, p. 153 e tab. 97 fig. 1 (Convolvulus pentaphyllos minor).

Início da página

Ipomoea sp. 1
25/06/2019. Reserva Mãe-da-Lua, Itapajé-CE.

Figura 2.

(A) As flores têm corola branca.
(B) Os anteres são lilás (ou viram lilás depois da abertura?).
Esta combinação de cores foi também observada em Ipomoea lacunosa.

Início da página

Ipomoea sp. 1
27/06/2019. Exsicata da coleta 269.

Figura 3.

Folha simples, cordada, acuminada. Inflorescência axilar. Nesta amostra, o pedúnculo é menor que o pecíolo da folha, mas em outras amostras observei o contrário.

Abertura do paquímetro: 1cm.

Início da página

Ipomoea sp. 1
27/06/2019. Exsicata da coleta 269.

Figura 4.

Detalhes da inflorescência da fig. 3.

Início da página

Ipomoea sp. 1
05/07/2019. Exsicata da coleta 274.

Figura 5.

A amostra é provavelmente de outro indivíduo que a exsicata da figura 3. Neste caso, os pedúnculos são maiores que os pecíolos.

Abertura do paquímetro: 5cm.

Início da página

Ipomoea sp. 1
05/07/2019. Exsicata da coleta 274.

Figura 6.

Uma das inflorescências do indivíduo da fig. 5.

Abertura do paquímetro: 1cm.

Início da página

Ipomoea sp. 1
(A) Linnaeus 1753, p. 161; (B) Sloane 1707, Tab. 97, fig. 1.

Figura 7.

Uma planta parecida com o meu achado encontra-se em Santos et al. 2018, foto 33, com a ID Ipomoea triloba. Veja também a discussão no DetWeb.

A figura acima mostra (A) o protologo de Ipomoea triloba por Carolus Linnaeus (Linnaeus 1753, p. 161) e (B) o tipo, a saber, um desenho da obra de Hans Sloane sobre Jamaica e sua flora e fauna (Sloane 1707).

Segundo o protologo as folhas de I. triloba são lobadas e a corola é rosa ou lilás. Parece que Linnaeus não tinha visto nenhum espécime desta planta quando a descreveu, e que ele se baseou no desenho de Hans Sloane. Obviamente, nestas condições, não é possível observar a variabilidade natural de características morfológicas como forma das folhas ou cor da corola. Por isso, a pesar das óbvias diferenças entre as minhas amostras e o tipo de Linnaeus, é possível que a espécie seja a mesma, e que o epíteto correto seja triloba. Contudo, eu desconheço dados concretos em favor desta hipotese.

Junto com o desenho que virou lectotipo, Hans Sloane publicou uma descrição. Esta também é bastante diferente do meu achado. O caule da planta seria lilás ("purple stalk") e as folhas lilás-verde ("purplish-green leaves"). A coroa também seria lilás. Eu suponho que Sloane descreveu a planta viva e in situ. Sua descrição não foi citada por Linnaeus.

Início da página